16 de dez de 2010

PMs são presos ao tentar extorquir trabalhador em Sarandi

Dois policiais militares de Sarandi - um sargento e um soldado - foram presos na tarde desta quarta-feira (15), após tentar extorquir um jardineiro. A prisão foi feita em flagrante pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de Maringá e pelo serviço reservado da PM (P2), sob o comando do promotor Laércio Januário.

Os policiais foram flagrados no momento em que iriam receber dinheiro para liberar os documentos pessoais do jardineiro, pego pilotando uma motocicleta sem habilitação. Ele teve os documentos retidos e foi liberado pelos PMs para conseguir o dinheiro para reaver seus documentos.

Ao perceber a presença de agentes do Gaeco, a dupla entregou os documentos para a vítima rapidamente e fugiu do local na viatura sem levar o dinheiro. Minutos depois os PMs foram chamados ao quartel onde receberam voz de prisão.

Na viatura utilizada pelos dois foram encontrados uma porção de maconha e dois simulacros de arma de fogo - uma pistola e um revólver.

O sargento e o soldado foram autuados pelos crimes de concussão - extorsão praticada por funcionários públicos -, prevaricação, posse de droga e posse ilegal de simulacro de arma de fogo. Os dois negam as acusações.

* Leia matéria completa na edição desta quinta-feira (16) de O Diário.

Informações: O Diario

Postar um comentário