31 de ago de 2011

Douglas destaca reajuste de salário para professores

O deputado estadual Douglas Fabrício (PPS) disse nesta terça-feira (30), em Curitiba, que o aumento de 5,83% no salário dos professores da rede estadual de ensino, aprovado pela Assembléia Legislativa, é um sinal de respeito e de valorização do governo com os docentes do Estado.  

 

"A classe merecia um aumento maior, mas é um avanço importante que mostra a linha de atuação que a atual administração vai adotar nos próximos anos. Atuei como professor da Fecilcam e conheço de perto as dificuldades e desafios que a classe enfrenta. Sem educação não há futuro e sem bons professores não há educação", disse Douglas.

 

De acordo com a lei aprovada pelos deputados, os professores receberão o reajuste em duas parcelas, sendo a primeira retroativa a julho e a outra em outubro. Com o aumento de 3% sobre a folha de julho, o salário de ingresso de um professor com carga horária de 40 horas semanais passa a ser de R$ 1.699,95. E, em outubro, com o novo acréscimo de 2,83%, o vencimento base dos docentes com carga horária de 40 horas semanais passa a ser de R$ 1.748,07.

A iniciativa do governo visa equiparar a remuneração dos profissionais do magistério aos vencimentos básicos dos demais profissionais do Estado que possuem nível superior. Assim como os servidores públicos do Paraná, os professores e profissionais da educação receberam, em maio, data-base do funcionalismo público, um reajuste salarial de 6,5%.

 

Agora, com mais estes dois aumentos, os professores chegarão, em outubro, com reajustes salariais de 12,33% em seus vencimentos básicos.

 

 "Não há distribuição de renda que funcione melhor que uma boa educação gratuita e universal. Boa formação garante a todo cidadão romper a linha da pobreza e da falta de oportunidade. Mas para isso precisamos continuar investindo no aumento de renda e qualificação dos nossos professores", afirmou o deputado.  

 

Postar um comentário