1 de ago de 2012

Sarandi é referência para o Ministério da Habitação

    A Secretaria de Habitação de Sarandi já tem 1.819 famílias inscritas para as casas que serão construídas na zona sul da cidade. Estas moradias serão do Programa Federal Minha Casa Minha Vida, para famílias com renda bruta familiar de R$1.600.
   Segundo a Secretaria de Habitação Sara Godoy, Sarandi hoje é referência no Ministério da Habitação porque possui o Plano Local de Habitação de Interesse Social, (PLHI). É um Plano de Habitação onde é detalhado o que o município vai fazer no setor de habitação para a população.
    A administração faz o primeiro cadastro das famílias que buscam a moradia própria. A Secretaria de Habitação faz uma pré-avaliação dos documentos e situação econômica das famílias, e encaminha para o ministério que vai selecionar aqueles que se enquadram dentro das determinações do Programa Minha Casa Minha Vida.
  A previsão da construtora Monolux, que vai construir as 471 casas em Sarandi, é que as obras comecem em agosto. A Prefeitura esta dando todo o suporte técnico para que a documentação fique pronta o mais rápido possível. O Conjunto Residencial José Richa será construído através de convênio assinado entre a Prefeitura Municipal de Sarandi a Companhia de Habitação do Paraná, (COHAPAR), Caixa Econômica Federal e a Construtora Monolux.
   Serão construídas 471 casas no Jardim das torres zona sul da cidade, a previsão de entrega é de 12 meses, o bairro terá toda infraestrura, asfalto, água, luz, as casas terão aquecimento solar como as do Residencial Mauá.
Assessoria de Comunicação de Sarandi





Postar um comentário