11 de mar de 2013

Câmara de Maringá analisa oito itens na sessão desta terça (12)

Entre os projetos em pauta está alteração no Plano Diretor do Município

Na sessão desta terça-feira (12) os vereadores irão votar, em segunda
discussão, projeto do vereador tenente Edson Luiz (PMN) que propõe ao
Executivo que implante programa de incentivo ao cultivo das plantas
citronela e crotalária no Município. Essas plantas são utilizadas como
método natural de combate à dengue.

Também em segunda discussão, projeto do Executivo que altera a lei que
dispõe sobre o Plano Diretor de Maringá. Segundo a mensagem enviada pelo
prefeito, o objetivo da alteração é que a lei municipal fique adequada ao
Estatuto das Cidades no que diz respeito à aplicação dos recursos obtidos
com a adoção da outorga onerosa do direito de construir.

Projeto do Executivo, que será votado em segunda discussão, substitui a lei
complementar que regulamentou o instrumento de outorga onerosa.

Em discussão única os vereadores irão votar cinco requerimentos. O vereador
Carlos Mariucci (PT) quer saber do Executivo se há previsão para a
realização de operação tapa-buraco ou reperfilagem na Rua das Camélias no
trecho entre as Avenidas Doutor Luiz Teixeira Mendes e Arquiteto Nildo
Ribeiro da Rocha.

O vereador Belino Bravin Filho (PP) solicita que o prefeito informe se há
previsão para a celebração de convênio com o Governo do Estado para a
obtenção de recursos para a construção de um campo de futebol suíço,
cercado por alambrado e que tenha vestiários masculino e feminino, no
Jardim Aurora conforme autoriza a lei 7.411 de 2007.

A vereadora Márcia Socreppa (PSDB) quer saber do Executivo se há previsão
para a instalação de semáforo na Avenida Guaiapó, no cruzamento com a
Avenida Major Abelardo José da Cruz (Contorno Norte).

O vereador Ulisses Maia (PP) solicita ao presidente da Viapar que informe
se há previsão para a construção de trincheiras na rodovia BR-376, nas
proximidades do trevo de acesso ao distrito de Iguatemi.

O vereador Chico Caiana (PTB) pede que o prefeito informe se há previsão
para a construção de uma praça, com mesas, bancos e quadra de malha, na Rua
Ipiranga, conforme autoriza a lei 7.737 de 200

Postar um comentário