7 de dez de 2015

Revista "Playboy" será relançada por nova editora em março de 2016, com um dos socios de Maringá

Veiculada pela editora Abril até o fim deste ano, a revista "Playboy" no Brasil passará a ser comercializada em março de 2016 pela PBB Entertainment, que inclui um grupo do Paraná que gerencia empresas no ramo de Recursos Humanos. Os três sócios responsáveis pela publicação são Marcos de Abreu, André Sanseverino e Edson Oliveira. 
Publisher e vice-presidente da publicação, Sanseverino falou ao UOLque a revista passará a investir mais nesta nova etapa no segmento online. "Não vamos trabalhar com a revista 'Playboy', mas com a nova 'Playboy'. Vamos explorar a marca em vários sentidos, principalmente no digital. O grande erro dos grandes grupos editoriais foi trabalhar só a revista e não olhar para o digital. A rentabilidade não era a mesma. Meio que desprezaram essa parte", afirmou.

(André Sanseverino é de Maringá, ja foi colunista do jornal O Diaria de Maringa)

Ele disse que pretende retomar o glamour que a revista perdeu. "A Playboy sempre foi referência das mulheres mais bonitas do Brasil, queremos resgatar isso, de grandes estrelas estarem na nossa revista. Queremos também a participação de grandes formadores de opinião", declarou.

Ao contrário da decisão da "Playboy" norte-americana, a edição Brasil irá manter os ensaios com mulheres nuas. "A Playboy alemã e mexicana já se pronunciaram que não vão acabar com o nu. A nossa ideia é continuar com o nu. Já perdemos de 7 a 1 para a Alemanha, não queremos perder de novo", brincou ao lembrar a derrota do Brasil na Copa de 2014.
Sanseverino já ganhou o prêmio Playboy de fotografia. Ele, que foi o idealizador do novo acordo da publicação no Brasil, se diz um apaixonado pela revista. "Em junho vi o anúncio de que a Abril estava vendendo os títulos e falei que tinha interesse na 'Playboy'. Devo muito a Abril, porque eles fizeram a ponte com a 'Playboy' americana", disse. 

Postar um comentário