21 de jan. de 2020

BOAS NOTÍCIAS - Ulisses Maia anuncia superávit, obra no parque do Ingá e inauguração do terminal

O prefeito de Maringá, Ulisses Maia, anunciou na manhã de hoje, 21, que a Prefeitura de Maringá fechou 2019 com superávit de R$ 184,4 milhões. A esse valor pode ser adicionado outros R$ 32 milhões, resultado de acordo de indenização com a Sanepar. O recurso está disponível no caixa do município e aguarda decisão do Tribunal de Contas sobre a forma adequada de contabilizá-lo. Então, o saldo superavitário alcança mais de R$ 214 milhões.

No dia 31 de dezembro, a conta da prefeitura registrava saldo de R$ 406,2 milhões. Outro dado relevante: ano passado, a cidade atingiu 98,4% da previsão de arrecadação. "Poucas cidades do Brasil têm resultados como o nosso", disse o prefeito sobre dados. Os números foram apresentados durante bate-papo com imprensa. O vice-prefeito, Edson Scabora, e os vereadores Carlos Mariuci, Altamir dos Santos, Flavio Mantovani e secretários participaram do evento.

Os investimentos em obras e equipamentos nos últimos três anos atingiram R$ 540 milhões. E seguem-se outros números positivos: 98,4% da arrecadação prevista em 2019, o melhor índice dos últimos 5 anos, resultados da aplicação de conceitos. O secretário de Fazenda, Orlando Chiqueto, explica que melhorias significativas das receitas próprias, obtidas com ISSQN, IPTU, ITBI e outras taxas e contribuição de melhorias explicam o resultado.

Além de dados econômicos que sublinham a saúde financeira do município, o prefeito Ulisses Maia anunciou a data de inauguração do terminal urbano (28 de fevereiro) e convênio com a Polícia Rodoviária para atuar na avenida Colombo, via hoje sob responsabilidade do governo federal. Na prática, isso significa que, sem acordo com a União, o município não pode intervir na avenida, adotando medidas para reduzir o número de acidentes.

O prefeito também assinou ordem de serviço para construção da pista emborrachada no Parque do Ingá. O que será um dos destaques de lazer em Maringá, num investimento de R$ 3,9 milhões. A reforma do Centro Social Urbano (CSU) também é demanda antiga e obras começam em breve. Convênio com governo do Paraná somará aproximadamente R$ 30 milhões para recape asfáltico na cidade, entre outros investimentos.

Nenhum comentário: